Voltar a Seguros

Ramo automóvel

[button type=”” color=”orange”]Proposta seguro[/button] Proposta de adesão ao seguro automóvel

[button type=”” color=”orange”]Condições Gerais[/button] 

[button type=”” color=”orange”]Coberturas[/button] 

 

 [button type=”” color=”orange”]Cond.Particulares[/button] Condições particulares de adesão Máximos

[button type=”” color=”orange”]Centro Peritagem[/button] 

[button type=”” color=”orange”]Cond.Particulares[/button] Condições particulares de adesão Minímos

A partir do dia 1 de setembro, a REFER, em colaboração com o corretor Willis e a Popular Seguros, vai proporcionar aos seus colaboradores (incluindo familiares diretos, ascendentes e descendentes, extensível a todas as empresas do grupo) seguros do ramo automóvel, destinados a ligeiros de passageiros, com prémios no valor de 195,36 euros (prémio comercial mais impostos, relativo a coberturas obrigatórias), designada por “mínimos”, ou de 484,48 euros (prémio comercial mais impostos, incluindo danos próprios), designado por “máximos”.

Estes valores são fixos e destinam-se a qualquer tipo de viatura, marca ou modelo, desde que ligeiros de passageiros ou mistos com valor inferior a 75.000 euros e peso bruto inferior a 2.600 kg, o que inclui a maioria dos monovolumes e veículos de tração total.

Ambas as opções incluem assistência em viagem, proteção jurídica e cobertura de acidentes pessoais do condutor. No caso da opção “máximos” acrescem as coberturas da responsabilidade civil de 50.000.000,00 euros, furto ou roubo, incêndio, raio e explosão, choque, colisão, capotamento, quebra isolada de vidros, fenómenos da natureza e atos de vandalismo, com uma franquia de 4% (franquia não aplicável nas coberturas de furto ou roubo e quebra isolada de vidros). O seguro com danos próprios (desde que a viatura não seja nova, zero km), implica vistoria pela companhia.

Para alcançar estes valores muito competitivos, existem algumas condições complementares: como sejam a indicação de 1 a 5 condutores habituais por viatura, os quais devem ter mais de 25 anos e 2 anos de carta. Para a cobertura de danos próprios, a viatura terá de ter um máximo de 10 anos no momento da subscrição do seguro (situação a partir da qual não é usual requerer esta cobertura).

Ao 1.º pagamento (apenas a este) acresce o custo de emissão da apólice, no valor de 5,56 euros, sendo o custo de cada carta verde internacional de 1,58 euros. A não indicação de condutor habitual tem também custos acrescidos, tal como o eventual pagamento semestral. Posteriores acidentes provocam o agravamento do prémio, assim como a ausência de sinistros pressupõem uma futura bonificação.

As propostas preenchidas devem ser previamente enviadas para o seguinte endereço eletrónico:

solutions.lx@willis.com

E, posteriormente, os respetivos originais das propostas devem ser enviados para:

Av. da Liberdade, n.º 49 – 4.º – 1250-139 Lisboa

Eventuais sinistros serão comunicados diretamente ao segurador Popular por meio do envio da declaração amigável de acidente automóvel (DAAA), corretamente preenchida (frente e verso), para o endereço:

gspopular.seguros@europ-assistance.pt

Pede-se às chefias que garantam a divulgação desta informação junto dos colaboradores que não utilizam o computador como ferramenta habitual de trabalho.

Informações complementares atravéz dos seguintes telefones:

21 10 22304 ou 211022205

RH Beneficios Sociais- REFER